COMPARTILHE ESSE CONTEÚDO

O arquipélago banhado pelo Mar Mediterrâneo, próximo à Itália, Grécia e continente africano, oferece a seus visitantes um mar azul de águas mornas e transparentes, com temperaturas aprazíveis e clima bastante agradável na maioria do tempo. Vai aproveitar essas belezas de Malta, mas tem pouco tempo disponível? A SEDA Intercâmbios preparou um roteiro eficiente e imperdível com o que fazer em Malta em 3 dias. Confira!

Dia 1: conhecendo Valetta

Valetta é uma cidade medieval, construída entre muros. De tão bela e única, foi declarada Patrimônio Mundial da UNESCO. O visitante passa pelos portões da cidade e logo alcança a rua principal. São mais de 300 monumentos preservados que valem a visita. Como a cidade é pequena, basta o turista ter disposição para conhecer cada um deles. Podem ser encontrados em ruelas, palácios, muralhas e catedrais. [caption id="attachment_7404" align="aligncenter" width="844"] Foto: Real Holidays[/caption]   O National War Museum e o National Museum of Archaeology são passeios imperdíveis para entender sobre a história de um país dominado por diversas outras nações, que se libertou para construir uma identidade muito rica e própria. O National War Museum, dentro do Forte St. Elmo, conta a história militar de Malta. Já o museu de arqueologia expõe artefatos da era neolítica e fenícia, datados de 5.000 anos A.C. Também vale visitar a Co-Catedral de São João, construída entre 1573 e 78. Em estilo barroco, sua decoração é impressionante, com bastante dourado e exposição de obras de arte, como os quadros de Caravaggio no Oratório. [caption id="attachment_7405" align="aligncenter" width="960"] Foto: Divulgação[/caption] O The Palace Armoury é um lugar único, que mostra a evolução e a potência de armaduras e armas de guerra, e como são determinantes para garantir a vitória nas grandes batalhas. [caption id="attachment_7406" align="aligncenter" width="960"] Foto: Heritage Malta[/caption] E o The Palace State Rooms, o palácio do governo, expõe aos visitantes a maior e mais conservada coleção de tapeçarias do século XVIII. Intituladas “Les Teintures des Indes”, são a narração visual mais detalhada do Grande Cerco de 1565, importante momento da história de Malta. [caption id="attachment_7407" align="aligncenter" width="960"] Foto: Heritage Malta[/caption]   - LEIA TAMBÉM: 10 motivos para fazer intercâmbio em Malta -

Dia 2: passeando por Gozo

Gozo é uma ilha que guarda passeios únicos, como a visita à Old Prison. As paredes das celas e corredores são cobertas por inscrições e desenhos. Há desenhos de embarcações e indicação de datas, além de palmeiras, cruzes, nomes, jogos e outras figuras. Os presos costumavam marcar seu período de permanência atrás das grades riscando as paredes. [caption id="attachment_7412" align="aligncenter" width="960"] Foto: Heritage Malta[/caption] A visita aos templos de Ġgantija, que datam de 3.600 e 3.200 A.C, é indispensável. Um dos sítios arqueológicos mais importantes das ilhas, que faz parte do Patrimônio Mundial da UNESCO, guarda resquícios de uma cultura onde se fazia sacrifícios animais frente a uma plateia extensa, que se acomodava em um grande pátio. [caption id="attachment_7409" align="aligncenter" width="1600"] Foto: Maryworks[/caption]

-- Confira nossos pacotes promocionais para intercâmbio em Malta: https://bit.ly/2qba6l1 --

Dia 3: caminhadas em Rabat e Medna

O museu Domvs Romana foi construído em torno dos restos de uma casa aristocrática romana, acidentalmente descoberta em 1881. Pouco permanece da própria casa, o museu é bem pequeno, porém, os mosaicos, estátuas e bustos em mármore que sobreviveram durante séculos, são o testemunho da riqueza histórica desta fantástica região. [caption id="attachment_7413" align="aligncenter" width="500"] Foto: Heritage Malta[/caption] St.Paul’s Catacombs, Catacumbas de St. Paul, são um complexo de cemitérios romanos subterrâneos, em uso até o século IV D.C., interligados entre si. Essa é a maior evidência arqueológica e também a mais antiga do cristianismo em Malta. São 2.000 metros quadrados de hipogeus e câmaras de cremação. [caption id="attachment_7414" align="aligncenter" width="500"] Foto: Heritage Malta[/caption] Para quem gosta de paleontologia e geologia, vale a visita ao Museu Nacional de História Natural, instalado em um impressionante palácio de estilo barroco. É possível ver a maior lula tirada das águas maltesas, uma enorme coleção de pássaros e também de rochas e minerais, algumas exclusivas da região. [caption id="attachment_7416" align="aligncenter" width="415"] Foto: Conexão Malta[/caption] Malta é um lugar que rende passeios únicos e que precisa de mais de 3 dias para ser totalmente conhecida. Não deixe de se informar sobre o clima e opções de voos. - LEIA TAMBÉM: Brasileiros poderão trabalhar e estudar em Malta -

Popeye Village

[caption id="attachment_7438" align="aligncenter" width="800"] Foto: Divulgação Popeye Village[/caption] Saindo da rota, mas mesmo assim indispensável, você não pode deixar de visitar a Popeye Village, que é o set de filmagem da produção musical de 1980 “Popeye", construído em Anchor Bay durante os últimos 7 meses de 1979. Atualmente é uma das principais atrações turísticas de Malta. É possível desfrutar de uma série de atrações no local, como passeios de barco, trampolins, restaurantes e muito mais.

Partiu, Malta? Confira nossos pacotes promocionais para intercâmbio em Malta: https://bit.ly/2qba6l1

-- O Grupo SEDA conta com a SEDA IntercâmbiosSEDA CollegeSEDA MBASEDA Hub, SEDA Live e  SEDA College Online, clique e conheça!

OUTROS CONTEÚDOS QUE VOCÊ PODE GOSTAR

01/04/2021

Alemanha

Intercâmbio na Alemanha: como se planejar para levar a família

Está se planejando para realizar um intercâmbio na Alemanha, mas quer levar a família junto? O país oferece oportunidades para estudantes e profissionais que desejam embarcar para cursos e/ou trabalho, desde que atendam a determinados requisitos.

SAIBA MAIS

01/04/2021

Canadá e Vancouver

Intercâmbio em Vancouver: conheça o destino e saiba como se planejar

Quando se fala em um destino como o Canadá, é natural que alguns clichês venham à mente, especialmente sobre o clima gelado. Mas se você está em busca de uma cidade com clima mais ameno para estudar e/ou trabalhar, um intercâmbio em Vancouver pode ser a o

SAIBA MAIS

01/04/2021

Alemanha

Morar em Berlim: saiba como é viver na capital alemã

Uma das capitais de maior riqueza cultural e histórica da Europa, Berlim se remodelou no pós-guerra e se tornou uma das maiores potências econômicas mundiais. A capital da Alemanha é hoje uma cidade acolhedora que abraça diferentes culturas e povos. Você

SAIBA MAIS

01/04/2021

Alemanha

Visto alemão: conheça as diferenças entre cada tipo

A Alemanha é um dos destinos preferidos de quem opta por estudar e/ou trabalhar no exterior, graças aos inúmeros benefícios que o país oferece aos jovens mundo afora. Mas, para conquistar uma vaga em uma universidade alemã ou mesmo realizar um curso rápid

SAIBA MAIS

nossos
EVENTOS